Beach Class Magazine


Sofá vintage, uma mistura de beleza, classe e conforto

Voltar Por David Marcelino

A sala de uma casa é, sem dúvida, um dos lugares que mais passamos tempo do nosso dia, seja para assistir à TV, para descansar ou até reunir a família ou os amigos. Por isso, é primordial que a decoração deste ambiente tenha a sua personalidade, seja bonita e confortável. Entre os móveis com maior destaque estão os sofás que possuem vários estilos disponíveis, entre eles, o vintage, que, ultimamente, tem chamado a atenção de arquitetos, decoradores e apaixonados por decoração por reunirem características do tipo: design único, conforto e beleza.

 


Um sofá vintage liso e em cor clara ajuda na combinação com os outros objetos da sala (Reprodução/ Pinterest)

 

Por toda importância que o sofá tem para a sala, partindo do ponto que todos precisam de um lugar para sentar, escolher um sofá vintage requer cuidados que vai além do estilo que deseja para imprimir no ambiente e o gosto pessoal dos moradores. Com uma variedade gigantesca de modelos disponíveis, os sofás vintage podem ser de diversos materiais como couro, veludo, lã, tecido, estampas florais, listras, lisos, xadrezes, com madeira aparente ou não, etc., por esse motivo é importante definir, antes de qualquer coisa, qual o modelo desejado e como ele ornará com os restantes dos móveis no ambiente.

 

Se não tiver certeza quanto a cor do sofá, opte por modelos com cores mais claras e sem estampas, a mesma dica vale se você gosta de mudar muito a decoração, pois dessa forma  fica mais fácil combinar o sofá com o restante dos objetos. Não esqueça que o sofá e o tapete devem harmonizar, se tiver um sofá claro, escolha um tapete escuro e ao contrário de se tiver um sofá escuro.

 


Além da beleza, o conforto também deve ser levado em consideração (Reprodução/ Pinterest)

 

Se o cômodo em que seu sofá vintage ficar for a sala de TV é imprescindível que ele possua a espuma mole, já que, normalmente, neste local passamos horas sentados. Já se ficar na sala de estar, a espuma pode ser um pouco mais densa.

 

O tamanho do seu sofá deve ser decidido de acordo com o espaço que você tem disponível. É importante lembrar que não é opcional que fique ao menos 70 cm de espaço para a circulação em volta do móvel, é essencial. O sofá também pode ser usado para dividir ambientes, neste caso, o interessante é posicioná-lo junto com um aparador.

 


É importante que o sofá vintage, como toda a decoração, tenha a sua personalidade (Reprodução/ Pinterest)

 

Quanto maior a sala, mais se torna possível combinar um sofá vintage com poltronas antigas da mesma cor, mas em tonalidade diferentes, o resultado é incrível. Só é necessário que haja alguma conexão entre os móveis, como a cor da madeira ou a tonalidade dos estofados. É indicado também combinar os sofás com móveis modernos com linhas retas, causando um contraste interessante na decoração.

 

 

 

Gostou? Veja o que separamos para você:

Tijolinho branco, o novo queridinho da decoração

Mostra D'Casa 2017 faz homenagem à personalidades da região  

Lego House celebra a história das famosas peças para montar