Beach Class Magazine


Enófilos, os amantes de um bom vinho

Voltar Por David Marcelino

Enófilo é um apreciador de vinhos e todas as suas peculiaridades. Busca conhecer melhor a bebida e de todo o mundo que está envolvido nela. E para ser um verdadeiro entendedor de vinhos é importante saber, antes de mais nada, como degustar.

 

01-adega-eventos.jpg
Vinho é uma bebida de celebração (Foto: Divulgação)

 

Não é novidade para ninguém que o vinho traz alguns benefícios à saúde. Foi cientificamente comprovado que tomar uma taça de vinho por dia, sem exageros e excessos, ajudam na proteção dos vasos sanguíneos e na prevenção de doenças cardíacas, derrames e até mesmo trombose.

 

Quer embarcar nesse universo, comece a tomar vinho. Para aprender a degustar qualquer coisa, precisamos viver experiências. E elas só acontecem quando nos aventuramos e provamos. O dia em que você encontrar a bebida a sua bebida preferida, ela será, automaticamente, capturada.

 

05-Fernanda_e_Juan.jpg

O casal Fernanda e Juan, protagonistas do blog Wine Pace (Foto: Reprodução/ Wine Pace)

 

Foi o que aconteceu com o casal Fernanda Koprowski e Juan Weik. Eles viajam o mundo visitando pequenos produtores de vinho que utilizam métodos orgânicos ou biodinâmicos de agricultura e vinificação, com um produto final de qualidade, e tudo isso - acreditem - de bicicleta. Eles compartilham suas aventuras no blog Wine Pace.

 

O projeto teve seu start no final de agosto, e a primeira parada foi o Vale do Loire, na França. Fernanda conta que não é uma região tão celebrada quanto Bordeaux, Borgonha ou Champagne, mas é uma das pioneiras no mundo na produção de vinhos orgânicos e biodinâmicos e por isso possui várias vinícolas de altíssima qualidade. O próximo destino é conhecer os vinhos de Portugal.

 

10346008_xl.jpg
Vinícolas do mundo inteiro têm a visitação e degustação aberta aos clientes (Foto: Divulgação)

 

Uma dica para quem já experimentou a bebida e não se apaixonou: submeta-se a novos sabores. Com o passar do tempo o seu paladar vai evoluindo e você já pode vai até querer arriscar a um vinho branco seco, um espumante brut e um vinho tinto jovem e frutado. Mas não exagere, beba moderadamente. Fique dentro do seu limite. Se beber demais, pode ficar enjoado e até passar mal. O que, além da ressaca, pode te fazer desenvolver uma antipatia inconsciente pelo vinho.

 

Se você não pode ou não gosta de ingerir álcool, não desanime. Um belo suco de uva integral, que pode ser até mais concentrado que o próprio vinho, substitui bem em um momento de confraternização. E ainda é menos calórico que o vinho, que pode chegar a 400 calorias por taça.


 

Gostou? Veja o que separamos para você:

Santistas largam tudo pelo sonho de viver no exterior

Bem-vindo à era dos digitais influencers  

Taekwondo, a arte marcial coreana que ganhou o mundo